terça-feira, 31 de dezembro de 2013


valeu 2013!!
bem-vindo 2014!!!!
sejamos felizes!

thank's 2013!!
welcome 2014!!!!
be happy!

terça-feira, 24 de dezembro de 2013


quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Compressas





O saquinho de tecido é recheado com painço e foi uma dica da Vera Lu para ser usado em dores como nas costas, joelhos, pescoço ou, pelo que entendi, onde for necessária uma compressa quente, segundo orientação dada por um médico numa reportagem na TV. Ela fez o dela e usou para aquecer os pés no inverno colocando-o sob os cobertores, e de acordo com sua experiência ele se manteve quentinho a noite toda!! Foi isso que chamou minha atenção e me levou a fazer um para minha mãe. Mas, assim como quando a gente ganha bicicleta, que chove sem parar, foi só fazer que o frio foi embora e acabamos não experimentando ainda. Esperemos o próximo inverno, rsrs.
Fiz o saquinho com algodão cru e revesti com fronha feita com um tecido de algodão estampado que eu tinha aqui. As medidas são as sugeridas pela Vera, 25cm X 30cm e a quantidade de painço também, 1,5Kg. O painço é uma sementinha para passarinhos e pode ser comprada em lojas de ração para animais.

Já a compressa gelada foi um achado da Bia Medina lá no blog A Glimpse Into Our Life, e que é igualmente o máximo!
Feito em tricô, de um lado fica ponto jersey e do outro cordões de tricô. Usei os fios Anne e Camila Fashion (parte rosa), duplos, agulha 4,5  só que fiz com 40 pontos e não 32 como pede a receita, porque o meu precisava ser um pouco maior. 
Depois de pronto deve-se mergulhar a peça em uma mistura de água e álcool, espremer, colocar em um saquinho do tipo ziplock e guardar no congelador.
Como ele fica flexível se amolda direitinho a braços, pernas, pés...o que o torna bem melhor do que as conhecidas bolsas e, segundo a informação, fica mais tempo geladinho.
Mas assim como com a bicicleta e agora o saquinho de painço, ainda não usei....só que por uma excelente razão, a ausência de hematomas pós convulsão, que judiam tanto da minha mãe. 

Editando a postagem: 
1 - o painço é baratinho, sai por menos de R$ 5,00 o quilo. 
2 - antes de usar, colocar o saquinho no micro-ondas para aquecer. O tempo varia conforme o micro lembrando que se for usar como compressa (em contato direto com a pele) deve-se tomar cuidado redobrado com a temperatura para não haver queimaduras. Melhor começar aos poucos e ir aumentando o tempo gradualmente até sentir que está bom. Para colocar sob as cobertas para aquecer os pés, a variação de tempo mais comum entre as pessoas que já usaram é de 5 a 7 minutos no micro.

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Enquanto não sai nada das agulhas...

... vamos de ... Repolho com carne moída















Esse repolho com carne moída feito de um jeito um pouco diferente mas muito prático surgiu na semana passada num dia em que eu não tinha a mínima ideia do que fazer para o almoço. Além de não ter tido tempo de planejar o cardápio com antecedência e não querer nada trabalhoso, nenhuma das opções que me vinham à cabeça apetecia naquele momento. Decidi não me desesperar; fui pegando os ingredientes e preparando a receita conforme ia dando "na telha". E não é que ficou bom? Foi aprovadíssimo aqui em casa.  

Caso alguém queira se arriscar...bom apetite!


Ingredientes:

3/4 de um repolho grande cortado grosseiramente
---
800gr de patinho moído
1 cebola picada
1 colher de sopa não rasa de alho triturado (esse negócio de dois dentinhos não é comigo)
1 lata de milho verde
1 ou 2 tomates picados (sem as sementes)
150gr de azeitona verde cortada em rodelinhas
Cheiro verde picado, sal e pimenta do reino branca, a gosto
---
1 copo de requeijão
1 lata de creme de leite
Queijo ralado
---
Como fazer:

Levar o repolho ao forno de micro-ondas por uns 7 minutos na potência alta para dar uma murchada (ele deve ficar “al dente”). Depois, colocar na assadeira ou refratário (não precisa untar) e temperar, a gosto, apenas com sal e azeite de oliva. Reservar.

Refogar a carne moída conforme o seu costume. Eu fiz só com os ingredientes que listei, mas você pode incrementar.

Distribuir a carne refogada sobre o repolho que está reservado.

À parte misturar o requeijão com o creme de leite que deve ser colocado às colheradas para que o soro não interfira muito na consistência, mas ajude a dar um ponto cremoso fácil de espalhar. Adicionar cheiro verde, aqui também a gosto.

Espalhar a mistura de requeijão e creme de leite sobre a carne e acrescentar parmesão ralado por cima. Eu não tinha mais o queijo em pedaço para ralar na hora então ataquei com o de pacotinho mesmo mas não é a mesma coisa, claro.

Levar ao forno (convencional) para aquecer e dourar.

Servir com uma saladinha básica de beterraba ralada...combina que é uma coisa!

sábado, 5 de janeiro de 2013

Um novo ano começou!

Estou esquentando mãos, agulhas e demais ferramentas para finalmente voltar e colocar em prática as idéias de projetos que surgiram durante mais um recesso necessário - que desta vez passou de um ano - terminar o que está parado, começar (e finalizar) o que foi prometido, enfim...voltar a ativa. 
É claro que algumas coisas vou ter de deixar para trás ou porque já não me encantam ou porque perderam sua razão de ser, a oportunidade, o momento mágico para serem realizadas. Mas assim é a vida, mudamos alguns dos nossos interesses com o passar do tempo.

Como dia a dia aqui é uma surpresa muitas vezes faço planos que precisam ser adiados e até mesmo cancelados, mas quando isso acontece é sempre por uma muito boa causa: atenção à minha mãe, pessoa maravilhosa e maior incentivadora de tudo que eu quis fazer ao longo desses meus 51 anos. Ela sempre dizia (quando ainda podia falar) "o máximo que pode acontecer é não dar certo, aí você começa de novo". Simples assim.

Então vamos lá...meio enferrujada, mas sempre em frente.

Agradeço aos que vieram visitar o Tetrichê mesmo nesse período em que não houve qualquer novidade/atualização e aos fieis seguidores que aqui permaneceram.

Aos que estão aqui pela primeira vez deixo minhas boas vindas, ressaltando que a qualquer momento talvez precise me ausentar novamente...mas sempre volto. 

Viva 2013!!!